segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Hidratantes: Por uma pele mais macia



Hoje resolvi escrever sobre esse ingrediente importante na rotina da pele. Afinal todo mundo quer ter uma pele mais macia.
Os hidratantes são o meu sonho de consumo em termos de creminhos. Quem está acostumada a passar cremes nada cheirosos e sentir depois a pele arder, repuxar, descamar entende o que eu estou falando. Tem coisa mais gostosa do que um creminho cheiroso que deixa a pele macia? Só sexo e chocolate, né?

Os hidratantes previnem e tratam o ressecamento da pele. E não é só: eles também protegem a pele sensível, melhoram o tônus e a textura da pele e escondem imperfeições. Na verdade a gente pode encontrar no mercado hidratantes que prometem resolver qualquer problema de pele que você tenha, de descamação a poros abertos, mas será que eles entregam o que prometem?

Quais os ingredientes dos hidratantes?

Os hidratantes funcionam de duas maneiras: atraindo água para a área superficial da pele ou atuando como barreira impedindo que a água evapore. Os ingredientes em geral são compostos por umectantes e emolientes além de outros ingredientes.

Umectantes: ureia, glicerina, alfahidróxi ácidos, entre outros. São as substâncias que absorvem água do ar e seguram a umidade na pele. Por isso, para funcionar esses ingredientes precisam ser aplicados em lugares com maior umidade do ar, caso contrário não tem de onde puxar água, né!. Eles também são úteis para deixar a pele mais macia.

Emolientes: lanolina, óleo mineral, petrolatum entre outros. Esses ingredientes preenchem os espaços entre as células da pele, ajudando a repor o óleo e lubrificando a pele. Eles podem ter base oleosa ou aquosa. Os emolientes a base de óleo fixam melhor na pele e duram mais. Já os emolientes a base de água são mais fáceis de aplicar, não deixam muitos resíduos mas saem mais facilmente.

Fragrância: é o perfume colocado nos hidratantes para dar aquele cheiro gostoso. Mas cuidado porque são a principal causa de reações alérgicas que ocorrem nesse tipo de cosméticos.

Conservantes: qualquer produto que contenha água ou óleo na sua composição precisa de conservantes para evitar a contaminação por bactérias. Eles evitam que você ganhe uma infecção ao aplicar um cosmético mas também são responsáveis por algumas reações alérgicas ou irritativas na pele.

Os hidratantes também podem vir com uma série de outros ingredientes como vitaminas, minerais, extratos de plantas, filtro solares ou auto-bronzeadores. Alguns também contém ingredientes que prometem reduzir rugas, estrias, poros, etc, etc, etc. Mas nada disso tem comprovação científica. Lembrem-se que hidratantes são classificados como cosméticos. Cosméticos não podem alterar a estrutura da pele e não penetram a derme (camada mais profunda da pele), caso fizessem isso passariam a ser classificados como medicamentos. 

Então não pague fortunas nem espere milagres dos hidratantes. Em geral, tirando o cheiro, a textura e a embalagem não existe diferença real entre o mais caro e o mais barato dos hidratantes disponíveis no mercado.

Qual o melhor hidratante para você?

Pele normal: Os melhores hidratantes são os a base de água, que deixam a pele com uma textura gostosa e são fáceis de aplicar. Esses hidratantes também podem conter óleos leves como cetil alcool ou ingredientes derivados do silicone como a ciclometicona. Lembra do silicone como primer?
Minha dica de hidratante para pele normal



Pele seca: para recuperar a pele escolha um hidrantante mais pesado, com base oleosa que contenha ingredientes como uréia ou propilenoglicol. Para as peles muito ressecadas a base emoliente em óleo é melhor porque ela dura mais e faz uma barreira protetora mais eficiente.
Minha dica de hidratante para pele seca:



Pele oleosa: há quem diga que a pele oleosa não precisa de hidratante e eu até concordo. Na minha rotina o hidratante vai para o corpo e no rosto eu acho que só o filtro solar já está mais do que bom. Mas quem está fazendo tratamento com ácidos por exemplo, ou usando isotretinoína oral, pode sentir a pele muito ressecada. Nesse caso pode-se usar um hidratante no rosto durante o dia, procurando produtos que sejam não comedogênicos e que contenham ácido salicilico.
Minha dica de hidratante para pele oleosa



Pele sensível: As peles sensíveis são mais propensas a vermelhidão, descamação e coceira. Por isso prefira um hidratante livre de fragrâncias e ingredientes irritantes, lembra deles?
Minhas dica de hidratantes para pele sensível



Pele madura: Conforme o tempo passa, a pele tende a ficar mais seca, já que a sua produção de óleo vai diminuindo. Para manter a pele macia, procure um hidrantante com base oleosa como o petrolatum, adicionado de umectantes como ácido láctico ou alfahidróxi ácidos.
Minha dica de hidratante para pele madura:



Como tirar maior proveito do seu hidratante
Escolha um produto adequado para seu tipo de pele e suspenda o uso se sentir a pele pior, hidratantes só devem melhorar a pele!

Lembre-se que o preço nada tem a ver com a eficiência do produto.

Aplique o hidratantes logo depois do banho ou depois de lavar o rosto assim você consegue “prender” aquela umidade que fica na pele. Quem aplica mais de um produto além do hidratante pode fazer nessa ordem: limpeza-creme de tratamento-hidratante-filtro solar-maquiagem (ufa!)

Não use cremes pesados na sua pele a não ser que ela seja super seca. Deixe os cremes pesadões para os pés, mãos e cotovelos onde até a mais oleosa das pessoas tende a sentir ressecamento.

Suspenda o creme e procure um médico sempre que apresentar reações na pele importantes após o uso de qualquer cosmético.

Beijos mil ...
Dra Josie Rumualdo

segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Ácido Retinóico - Vitamina A para uma pele jovem




A Vitamina A foi descoberta em 1913. Posteriormente foi confirmado que ela também era essencial para a visão.

Encontrada amplamente em tecidos vegetais de cores amarelo e verde como a cenoura e pimentões e, também, em alimentos de origem animal, como manteiga, gema de ovos e fígado ( temos um post falando do assunto aqui).

O ácido retinóico se tornou o primeiro produto amplamente utilizado para a renovação da pele, combatendo as mudanças que ocorrem com o envelhecimento.

Os efeitos do fotoenvelhecimento (envelhecimento da pele devido à exposição ao sol) faz com que a pele mostre-se mais fina e essa característica tende a ser revertida pela aplicação tópica (gel ou creme) em doses adequadas de ácido retinóico, podendo também diminuir manchas e rugas, deixando a pele mais rosada e com aparência mais jovem.




Como todo medicamento, ele também possui efeitos adversos, como ressecamento, vermelhidão e descamação da pele.
Outro problema do ácido retinóico é que ele é fotossensibilizante, ou seja, ele aumenta a sensibilidade da pele ao sol, sendo assim, os pacientes devem usar filtro solar com FPS alto, interrompendo o tratamento pelo menos uma semana antes de exposição solar.

Como a pele fica muito sensível, deve-se tomar cuidado também com perfumes e cosméticos, dando preferência à sabonetes neutros.

Já o Retinol (forma álcool da vitamina A) é mais fraco na renovação da pele, mas pode ter ações potentes na diminuição da quebra excessiva de colágeno e elastina na pele, Este é facilmente encontrado em cosméticos nas prateleiras das farmácias.

Beijos mil ...
Dra. Josie Rumualdo.







Fonte:Bulle de Beauté





sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Campanha de vacinação infantil



Acontece amanhã dia 13 de agosto (sábado), a partir das 08h00, a 2ª Etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite/2011, e será conduzida pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

As prefeituras tem a missão de apoiar as ações de vacinação com seus departamentos ou secretarias de Saúde; devem ser vacinadas crianças de 0 a 05 anos.

Os pais ou responsáveis devem levar as crianças novamente aos postos de vacinação para que recebam mais duas gotinhas contra a pólio. É importante lembrar os pais que devem levar a carteirinha de vacinação de seus filhos aos postos da Campanha para o registro da imunização.

A poliomielite é uma doença infectocontagiosa grave. Na maioria das vezes, a criança não morre quando é infectada, mas adquire sérias lesões que afetam o sistema nervoso, provocando paralisia, principalmente nos membros inferiores. A doença é causada e transmitida por um vírus (o poliovírus) e a infecção se dá principalmente por via oral.





  • Este é o 32º ano da campanha nacional de vacinação contra a poliomielite no Brasil e 22º ano sem a doença no país.
  • Em 1994, o Brasil recebeu o certificado internacional de erradicação da transmissão autóctone do poliovírus selvagem. A partir de então, o país assumiu o compromisso de manter altas coberturas vacinais maiores ou igual a 90%. Em 2001, esta meta foi alterada para 95% da população alvo (< 5 anos de idade).
  • O Brasil está livre do poliovírus desde 1990. O último caso da doença foi registrado no município de Souza, na Paraíba;
  • No cenário global, dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) demonstram que 22 países ainda registram casos de poliomielite, sendo quatro desses endêmicos: Afeganistão, Índia, Nigéria e Paquistão. Os demais restabeleceram a transmissão devido a importação de casos da doença, sendo eles: República Democrática do Congo, Chade, Angola, Côte d’Ivoire, Mali, Niger, Gabão, Uganda, Federação Russa, Libéria, Nepal, Kazaquistão, Tajiquistão, Turcomenistão, Senegal, Mauritânia e Serra Leoa. Em 2010 foram registrados 1.292 casos, sendo 232 (17,95%) nos países endêmicos e 1060 (82,05%) nos países não endêmicos. Os dados até o dia 27 do mês de abril de 2011 mostram uma mudança no cenário epidemiológico global, com 120 casos (43 em países endêmicos e 77 em países não endêmicos) registrados, sendo que em 2010 nesse mesmo período foram registrados 84 casos.

Então, vamos vacinar!

Beijos mil ...

Dra. Josie Rumualdo

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Alimentação para pele oleosa e sensível



Eu já falei aqui no blog sobre diversos alimentos que fazem bem para a nossa beleza, mas dependendo do seu tipo de pele existem dicas extras sobre a alimentação que podem melhorar a sua aparência. Vamos a elas?


Hoje as dicas serão para a pele Oleosa e Sensível que são a maioria, Mas  prometo que o próximo post será sobre pele seca, ok?


Dieta para quem tem a pele oleosa

O principal objetivo é manter uma dieta que controle as erupções e as inflamações. Uma dieta com pouco açúcar ajuda a tratar a acne. O chocolate que já foi considerado o grande vilão da acne foi absolvido por falta de provas e agora voltou em condicional, ou seja, chocolate meio amargo com alto teor de cacau está livre, mas aqueles super doces prejudicam a acne não pela gordura e sim pelo açúcar. Isso porque muita glicose no sangue leva à liberação da insulina que estimula a produção de hormônios que estão relacionados com o estímulo à produção de óleo na pele. A obesidade em si já aumenta o risco da acne (como na síndrome dos ovários policísticos) então diminuir açúcar e alimentos com farinha branca ajuda na acne nessas duas frentes. Sem falar que controlar o peso o que é sempre bom.

Tem também os alimentos ricos em beta-caroteno que tem atuação próxima a da vitamina A como batata doce, manga, gema de ovo, entre outros.




O mineral iodo pode piorar a acne porque está relacionado com o aumento dos poros. Se esse é sua principal preocupação evite consumir grandes quantidades de sal iodado e frutos do mar. O sal marinho é uma boa opção e não é iodado.




Quem tem manchas como a principal preocupação deve evitar cerveja, (olha a sacanagem !!!) já que o lúpulo age de maneira similar ao estrogênio. Lúpulo também pode agravar a acne.




A vermelhidão da Rosácea pode piorar com bebidas alcoólicas especialmente vinho tinto. Comidas muito apimentadas também dilatam os vasos sanguíneos e podem piorar o quadro de rosácea, assim como nitratos presentes em embutidos e enlatados.






Alimentos como ovos, peixes e saladas ajudam a diminuir a inflamação. O ômega 3 (encontrado em alguns peixes e ovos enriquecidos) pode ter também um efeito antiinflamatório.





Frutas como a romã e as vermelhas de todos os tipos contém antioxidantes que evitam o envelhecimento e protegem a pele. A luteína das verduras escuras, ovos e laranjas e o licopeno do tomate também são considerados protetores contra câncer de pele. Chá verde também é excelente tanto para tomar quanto em produtos para usar na pele, a casca da maçã e o manjericão também tem efeito no combate ao envelhecimento.




Beijos mil ...
Dra. Josie Rumualdo.

quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Lincoln Rd


Olá meninas e meninos ...

Estava conversando com uma amiga que acabou de voltar de Miami trazendo aquela "comprinha" deliciosa e me bateu uma saudadeeee ... de andar pela Ocean Drive, curtir a praia de manhazinha, pegar uma baladinha a noite e fazer umas comprinhas na rua que eu acho a mais charmosa de lá - a Lincoln Road.

A Lincoln Road oferece um shopping ao ar livre com uma parte fechada aos carros, aberta apenas aos pedestres. Funciona até tarde, perto da Collins.

As transversais são muito legais também, como a Washington Avenue, onde tem a Nike Town e a famosa Dash das manas Kardashian’s… Na Meridian tem a Macy’s e logo em seguida a Victoria Secrets e a maravilhosa Apple, sempre lotadíssima.



Vou deixar aqui algumas dicas de lojas não muito tradicionais, mas que com certeza vale a pena conhecer !!!!





ANTHROPOLOGIE












































Beijos mil ...
 Josie Rumualdo.


segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Um pouquinho mais sobre a vitamina C



A vitamina C quando aplicada na pele é capaz de cicatrizar feridas, aumentar a produção de colágeno (essencial para a sustentação e firmeza da pele), clarear a pele, proteger contra os danos da exposição ao sol e ainda minimizar os efeitos nocivos dos radicais livres. Então acho que vale a pena conhecer mais sobre essa vitamina, não?

A história da vitamina C é antiga, existem relatos do escorbuto (doença causada pela deficiência de Vitamina C, que produz entre outros sintomas sangramentos e inchaço e que pode levar à morte) desde os egípcios antigos.

Tanto gregos quanto romanos tiveram suas forças militares destruídas pela doença. Mas foi só no século XVIII, na Inglaterra que se associou a doença à falta de consumo de alimentos ricos em vitamina C.


Além de prevenir contra o escorbuto a vitamina C é fundamental para o bom funcionamento das células, especialmente para formação do colágeno. Na pele a vitamina C atua de duas formas principais combatendo os efeitos do envelhecimento: ela estimula a produção de colágeno e aumenta a proliferação dos fibroblastos (que são as células da pele que diminuem a sua reprodução com a idade).

O colágeno é o ingrediente responsável pela capacidade elástica e resistência da pele, ou seja, sem ele a pele fica mais flácida e frágil. A exposição continuada ao sol é um dos fatores que alteram a síntese de colágeno na pele, levando a formação de rugas.

Aí entra outro papel da vitamina C, proteger contra a exposição solar, ou seja, além de consertar os danos causados pelo Sol ela ainda evita que esses danos ocorram. Quer mais?
Pois tem, estudos comprovaram que a vitamina C é ainda mais benéfica quem fuma, uma vez que ela combate (em parte, lógico) os danos causados pelo cigarro. Isso porque ela atua como antioxidante, combatendo os radicais livres que são liberados pelos fumantes.

A vitamina C pode ser tomada via oral ou usada em forma de cremes ou loções. Para combater o envelhecimento da pele a forma tópica tem se mostrado bem mais efetiva. Mas são necessários alguns cuidados. Primeiro é importante consultar um médico para saber qual a concentração de vitamina C é mais adequada para o seu tipo de pele. Segundo a vitamina C é muito instável (todo mundo já ouviu falar que para aproveitar a vitamina da laranja tem que tomar o suco logo depois de abrir a fruta. Isso porque a vitamina C perde as suas propriedades em contato com a luz e com o ar. Então o creme deve ser guardado em frasco fosco e bem fechado, melhor ainda se for na geladeira!

A melhor maneira de se obter a quantidade necessária desta vitamina é através da alimentação (encontre mais informações aqui). A vitamina C é encontrada em alimentos como frutas cítricas, tomates, morangos, pimentões e brócolis. Uma dieta rica em frutas e vegetais pode ajudar a prevenir várias doenças, inclusive determinados tipos de câncer.

A vitamina C utilizada como cosmético ajuda na hidratação e na produção de substâncias que agem na renovação da pele. Ela tem um poder antioxidante, estimulando a eliminação de radicais livres — que são moléculas que causam danos às células e aceleram o processo de envelhecimento.

Portanto meninas, vamos investir em uma alimentação saudável ... “bora” pra feira !!!!



Beijos mil ...
Dra. Josie Rumualdo.

sexta-feira, 5 de agosto de 2011

Estilos de Botas



Olá meninas ...

Eu acho o máximo os looks de inverno, principalmente aqueles usados com botas, sejam de salto alto ou baixo, cano longo ou curto, enfim adoro todas !!!

Inspirada em algumas revistas de moda trouxe para vocês este post com os mais variados tipos de botas e suas diferenças e aproveitando, deixo também um vídeo bem bacana de como guardar suas botas chiquerrérrimas !!!!


Bota 3/4


Sabe aquelas botas estilo Spice Girls? então essas são as botas 3/4, elas tem uma pegada mais rocker e tem um Q de teens. Combine com meia calça fina ou opaca preta.



Ankle Boot


As nossas querinhas da estação as ankles boots elas não saem dos pés das it girls de todo o mundo.


Cuissardes - Maxi Boots


O nome é francês e significa bota que sobe até a coxa. São super sexys, e estão sendo chamadas por muitos de a nova legging. Cuidado ao combinar peças que vai usar com essa bota, pode ser perigoso, beirando o vulgar e não funcionando nas ruas como funciona nas passarelas.


Coturno


O coturno é uma forma de mostrar sua personalidade, através do seu estilo grunge ou punk, ele faz um estilo rebelde street, pode ser usado por meninos e meninas. Use com meias grossas e peças em tom nonchalant.



Botas Cowboy


As famosas botas de caubóis não saem dos closets das it-girls, mas agora elas vem em versões mais arrojadas e com detalhes mais punk rock. Use com minis ou short mais camiseta podrinha (estilo Party in the USA)


Oxford Boots


As botas oxford são uma versão bota dos sapatos oxfords, sabe aqueles sapatos emprestados do namorado e que invadiram os closets feminino? então ele está super em alta seja na sua versão sapatos ou botas, combine com jeans detonado e peças de alfaiataria.


Bota tipo Montaria


A bota montaria é uma das mais comuns e populares, ela volta com tudo esse inverno, combine com calça skinny de malha ou jeans.


Hidden Wedge


As botas hidden wedge tem esse nome porque o seu salto da a entender que o salto fica escondido. O shape é estilo anabela, alto atrás e vai diminuindo até chegar na frente


Open Boots


Perfeito para mulheres de pernas compridas, não muito cheinhas e com tornozelos pouco grossos, sendo indicadas para o uso com vestidos e saias mais curtos, sejam eles justos ou não. Também podem ser usadas com jeans skinny, tights ou saia lápis.


E agora vamos ao vídeo super bacana sobre como guardar suas botas


GNT



Beijos mil ...
 Josie Rumualdo.


quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Semana Mundial da Amamentação 2011



Olá meninas e meninos ...

A Semana Mundial da Amamentação iniciou-se nesta segunda-feira (1º) e o tema deste ano é “Amamentação em 3D”.

O objetivo é estimular as unidades de saúde e comunidade a utilizarem novas tecnologias de comunicação como blogs e redes sociais a fim de disseminar informações sobre o assunto.

Ano passado eu fiz um post por dia, falando sobre a amamentação, mas infelizmente esse ano não foi possível, contudo, quero deixar aqui a minha contribuição para essa campanha tão importante para nossos bebês e mamães.

Busquei o Caderno de Amamentação e Alimentação do Ministério da Saúde, que possui uma leitura rica em informações precisas e corretas para as mamães e para os profissionais que assim como eu ADORA trabalhar nesta área.

Segue o arquivo com o Caderno da Atenção Básica nº 23 do Ministério da Saúde brasileiro que trata de Aleitamento materno e alimentação é só você  clicar aqui

Vamos nos informar e passar adiante nosso conhecimento !!!



PS:- Dedico esse post a minha amiga Katita, que está gravidinha e linda !!!! 


Beijos mil ...
Dra. Josie Rumualdo

quarta-feira, 3 de agosto de 2011

Prótese de Mama



Olá meninos e meninas ...

Muitas pessoas vieram me perguntar sobre a minha cirurgia e algumas perguntas “são tradicionais” ... rsrs, então resolvi fazer esse post baseada em algumas pesquisas, ok?!

Até a década de 80, mais ou menos, predominava no Brasil o modelo de beleza importado da França, ou seja, o bonito era ter mamas pequenas e firmes. Parênteses aqui para explicar que o nome correto é mama (seios, anatomicamente falado, é o vale, ou seja, o espaço entre as mamas). Até essa época a preferência nacional total e absoluta era pelo bumbum grande e empinado. Esse modelo de beleza (mama pequena, bumbum arrebitado e quadril grande) era compatível com a tendência genética do corpo da mulher brasileira, então a maioria estava feliz. De uns tempos para cá, a globalização atingiu os padrões estéticos e o modelo de beleza americana de mamas fartas (estilo Pamela Anderson em Bay Watch) passou a prevalecer e o que antes era considerado defeito virou desejo.

Acredito que as pessoas vivam divididas entre o desejo e o medo de realizar alguma cirurgia plástica. Todas nós, até mesmo Gisele Bündchen mudaria alguma coisa em seu corpo, se aparecesse uma fada madrinha com uma varinha e perguntasse o que você gostaria de mudar no seu corpo com um toque de mágica?!

A cirurgia de aumento de mamas com próteses é uma das cirurgias plásticas mais realizadas no mundo e no Brasil também. O Brasil é considerado um centro de referência em cirurgia plástica, se tem alguma área da medicina em que teríamos chance de medalha de ouro essa seria a principal aposta. Muitas pessoas vêm de outros países realizar a cirurgia plástica no Brasil e muitos médicos estrangeiros são treinados aqui também. Então existem muitos excelentes cirurgiões plásticos no Brasil, portanto se decidir pela cirurgia procure um profissional experiente e qualificado que seja especialista pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

As informações que eu vou passar aqui são genéricas e claro, é necessário que ao decidir pela cirurgia de aumento de mamas que você faça uma consulta prévia e detalhada com o cirurgião plástico.

1. Para quem é indicada a cirurgia?
Para quem tem a mama muito pequena ou para pacientes que gostariam de ter uma mama maior de acordo com os padrões estéticos (nesse caso vale sempre a pena lembrar que a moda pode mudar…). Nos casos em que há flacidez associada faz-se um levantamento das mamas (mastopexia) no mesmo ato cirúrgico levando uma maior firmeza ao aumento.

2. Quais são os tipos de próteses?
No Brasil a mais usada é a próteses de silicone texturizada, mas existe também a próteses com solução salina e a lisa. A vantagem da texturizada é que os estudos indicam que com ela o risco de contratura (uma das complicações da cirurgia) é diminuído. O formato pode ser redondo ou anatômico (gota), para cada paciente um tipo diferente pode ser indicado para se obter melhores resultados.

3. A cirurgia deixa cicatriz?
Qualquer cirurgia deixa cicatriz. No caso da cirurgia de aumento de mama a cicatriz pode ser bem escondida na linha abaixo das mamas, em volta da auréola ou nas axilas. Dependendo do tipo de prótese e do local onde será colocada a prótese, o cirurgião opta pelo acesso e conseqüentemente pela localização da cicatriz. Algumas pessoas podem desenvolver quelóides e cicatriz hipertrófica após a cirurgia. Apesar de ser mais comum em pessoas de pele mais escura, as mais clarinhas não estão isentas desse risco. O histórico de cicatrização da paciente pode ajudar, mas de fato essa possibilidade é imprevisível antes da cirurgia. A estética pode ser melhorada depois de um tempo, mas quem tem o problema dificilmente atingirá uma cicatrização perfeita.

4. Onde a próteses é colocada?
A região da mama (de fora para dentro) é composta resumidamente por pele, tecido glandular, músculo e ossos da costela. Existem dois locais em que o cirurgião faz uma bolsa para colocar a próteses: ou entre a glândula e o músculo ou entre o músculo e a costela. O que irá definir o local é o tamanho anterior da mama da paciente, o tamanho desejado final, a quantidade de esportes que a paciente pratica, entre outros fatores. O cirurgião sempre deverá indicar o local onde o aspecto fique mais natural e ao mesmo tempo minimize os riscos para a paciente.


5. Quanto tempo leva para atingir o resultado final?
É claro que a mama já aumenta logo depois da cirurgia, mas durante o primeiro mês ainda há muito inchaço, hematoma, e a próteses está de acomodando. O resultado definitivo costuma ser atingido mesmo só após 6 meses.

6 .Existe risco da próteses estourar?
O risco hoje é muito pequeno e só ocorre se houver um impacto muito forte, como um acidente automobilístico, por exemplo. Nesse caso a próteses pode até ajudar a proteger o pulmão. Nesse caso a próteses deve ser trocada em geral pela mesma cicatriz que foi feita a sua colocação.

7. Quanto dura a cirurgia, qual o tempo de internação,quando são retirados os pontos e o tipo de anestesia?
A cirurgia dura em média entre 1 hora e meia e duas horas. O tempo de internação varia, mas em geral é curto não ultrapassando 24 horas para os casos mais comuns. A anestesia normalmente é geral, mas pode ser local com sedação para casos selecionados os pontos são retirados em até 10 dias depois da cirurgia.

8. O que ocorre se a mulher quiser engravidar? A prótese prejudica a amamentação?
Durante a gravidez as mamas aumentam de tamanho o que pode gerar uma flacidez quando elas retornam ao tamanho anterior, isso pode fazer com que a prótese fique mais caída. A prótese é colocada fora do tecido mamário e por esse motivo não afeta a produção de leite. Próteses muito grandes, porém podem dificultar o posicionamento no bebê no momento da amamentação.

9. O pós-operatório da cirurgia é doloroso? A sensibilidade da mama muda após a cirurgia? Quanto tempo demora para eu voltar as atividades normais?
Como qualquer cirurgia a paciente pode sentir dor nos primeiros dias o que pode ser controlado com o uso de analgésicos. A sensibilidade para dor é individual então algumas pessoas podem dizer que sentiram uma dor enorme enquanto outras que não sentiram quase nada. Quando a prótese é colocada atrás do músculo a dor no pós-operatório tende a ser maior. É comum a sensibilidade da mama ficar alterada logo depois da cirurgia, mas a tendência é a sensibilidade ir progressivamente voltando a normalidade em alguns meses. Após a cirurgia recomenda-se evitar esforços com o braço durante 1 mês e o retorno aos exercícios gradativamente após 2 meses da cirurgia.

10. O que é retração da cápsula da mama?
Essa é a complicação mais comum da cirurgia de aumento das mamas. Toda vez que um corpo estranho é colocado no organismo a nossa tendência é querer expulsá-lo ou, sendo muito grande, de isolá-lo do resto do corpo. Então todo mundo que coloca prótese acaba formando em volta dela uma cápsula fibrosa, que isola a prótese do corpo. Em cerca de 5% das pacientes esse mecanismo é exagerado, levando a um endurecimento dessa cápsula fibrosa. É impossível saber se isso vai ou não acontecer antes da cirurgia e esse processo não está relacionado com a habilidade do cirurgião, já que trata-se de uma reação individual. Não é uma rejeição (já que o silicone é um material inerte e a sua presença não gera a formação de anticorpos). Dependo da gravidade dessa reação muitas vezes é necessário remover a prótese e o cirurgião e a paciente irão discutir sobre a possibilidade ou não de recolocar uma próteses menor ou usar uma outra técnica.

11. A prótese deve ser trocada? Quando?
Normalmente costumava-se dizer que a prótese deveria ser trocada a cada 10 anos. Hoje em dia alguns médicos falam em 20 anos mas na verdade é que não se sabe ainda qual a vida útil das próteses mais recentes (e que ainda não tem nem 10 anos). É possível que a prótese nem precise ser trocada, mas ainda não existe consenso sobre essa questão já que é uma preocupação relativamente recente.

12. E qual o valor dessas belezinhas?
O custo da cirurgia varia muito conforme o cirurgião mas a média fica entre R$ 6 mil e R$ 8 mil.

Beijos mil ...
Dra. Josie Rumualdo.