quinta-feira, 7 de julho de 2011

Mascare-se




Já falei em alguns posts a respeito da importância de hidratar a pele, principalmente no inverno, não é mesmo ??!!

Esse é mais um post que fala sobre a hidratação da pele do rosto, que está na revista Marie Claire e vou compartilhá-lo com vocês.




As máscaras faciais são mais que um ritual relaxante. Elas realmente fazem a diferença no tratamento da pele. As fórmulas mais modernas atendem a diferentes necessidades, como hidratar ou reduzir poros, e agem em poucos minutos. Aqui, as respostas para as principais dúvidas sobre o assunto.
Por Gabriella Cartaxo

1. Quais as vantagens de se usar uma máscara facial? Como ela atua na pele?

Esse produto complementa a ação do creme e conta com substâncias mais concentradas. “Por ser mais espessa, a máscara forma uma película que força a penetração dos ativos na pele, potencializando o resultado”, explica a dermatologista Mônica Aribi, de São Paulo. Também ajuda a relaxar, a eliminar o ar de cansaço do rosto após um dia exaustivo de trabalho e a levantar a expressão.

2. Quais os melhores tipos para se usar em casa?

Depende do efeito que você deseja. De modo geral, as hidratantes, à base de ácido hialurônico, uréia e lactato de amônia, são as mais versáteis, uma vez que dão brilho, revigoram e combatem a pele ressecada. As calmantes, ricas em camomila e azuleno, são ideais para aliviar a vermelhidão das peles mais sensíveis. “Há ainda produtos com ações mais específicas e que funcionam bem, como as máscaras anti-idade, com efeito clareador e que controlam a oleosidade excessiva”, diz a dermatologista Denise Steiner, de São Paulo. As ações dos produtos estão discriminadas na embalagem.

3. É melhor usar o produto durante o dia ou à noite?

À noite. Nesse período há uma melhor absorção dos ingredientes pela pele, pois ficamos menos expostos a interferências que podem dificultar esse processo, como sol, poluição, estresse, transpiração. Para turbinar o efeito, vale aplicar a máscara após o banho, quando os poros estão abertos, o que favorece ainda mais a penetração dos ativos.

4. De quanto em quanto tempo é indicado aplicar a máscara?

A maioria dos fabricantes sugere usá-la uma ou duas vezes por semana. “Para um efeito real na pele, faça um tratamento contínuo e repita a máscara com o mesmo princípio ativo pelo menos quatro vezes seguidas. Não adianta usar uma vez e depois parar”, diz Mônica Aribi. Para quem pretende combinar duas versões diferentes (uma hidratante com outra clareadora, por exemplo), a dermatologista sugere fazer a troca do produto a cada três meses, no mínimo.

5. Quem se submeteu a tratamentos com ácidos ou fez peeling recentemente pode usar?

É melhor evitar as máscaras durante cinco a sete dias após os procedimentos. Com o uso de ácidos ou depois de sessões de peeling, as camadas de defesa da pele são quebradas e o risco de alergias e irritações é maior. O conceito de máscara, muitas vezes, dá a sensação de que o produto é calmante, o que nem sempre é verdade. A fórmula pode conter ácidos ou princípios secativos, que são mais fortes e podem irritar. Na dúvida, o melhor a fazer é procurar a orientação do seu dermatologista.

6. Posso me expor ao sol logo após usar a máscara facial ou tem perigo?

Depende do produto. Se ele for à base de ácidos, fuja do sol e aposte em um filtro solar com FPS 50 ou maior, mesmo se o dia estiver nublado. Embora as máscaras com princípios hidratantes ou calmantes não necessitem de tanta restrição, vale lembrar que tomar sol sem proteção acelera o aparecimento de rugas e manchas e pode aumentar as chances de um câncer de pele.

7. Tem problema deixá-la agir por mais tempo do que o indicado na embalagem?

Sim. A máscara facial industrializada é formulada para agir no tempo recomendado pelo fabricante. Após o período, o produto pode simplesmente perder o seu efeito ou sofrer degradação. “Nesse caso, a substância que foi degenerada pode causar danos à pele, como coceiras, alergias ou irritações. Portanto, sempre respeite as orientações de uso do produto”, sugere a dermatologista Denise Steiner.

8. Guardar o produto na geladeira é uma boa?

Sim. A máscara na temperatura fria desincha o rosto, ajuda a contrair os vasos sanguíneos — o que reduz a vermelhidão — e promove um efeito lifting instantâneo. O truque também é uma ótima pedida para suavizar a vermelhidão de peles mais sensíveis, inflamadas ou com acne.

9. Muitas máscaras levam argila. Qual a ideal para cada pele?

As argilas são ricas em sais minerais e ajudam a nutrir, hidratar, clarear e revitalizar. Atualmente, existem vários tipos com diferentes finalidades, no mercado. “A argila rosa e a amarela deixam a pele macia e hidratada e previnem contra os sinais de envelhecimento. A verde regula a oleosidade e deixa uma sensação refrescante de limpeza no rosto. Já a branca é mais conhecida por seu poder clareador”, afirma a fisioterapeuta Carolina Fuoco, do Spa Hara, em São Paulo.

10. Devo preparar a minha pele antes de começar o tratamento?

Sim. É importante aplicar o produto sobre a pele limpa, livre de sujeiras ou de restos de maquiagem. Lave bem o rosto com um sabonete específico e faça uma exfoliação suave, que vai remover as células mortas e potencializar a ação da máscara. “Não use tônico facial, pois ele pode conter ativos que interferem na ação do cosmético”, alerta Denise Steiner. Depois do ritual, limpe o rosto novamente e não aplique nenhum produto nas próximas duas horas. Durante a semana, é interessante apostar em um creme diário com a mesma ação da sua máscara. Por exemplo, hidratante com hidratante, anti-idade com anti-idade e assim por diante.

11. Quem tem a pele oleosa pode usar máscara facial?

Sim. O segredo é garimpar máscaras do tipo oil-free (livre de óleo) que sejam especialmente formuladas para peles mistas a oleosas. Esses produtos geralmente combinam ativos hidratantes com componentes como ácido salicílico, gluconolactona, polytrap, fucogel e betahidroxiácido, que absorvem o brilho excessivo e melhoram a textura do rosto.

12. Qual a diferença entre as versões peel-off e as cremosas?

As duas prometem o mesmo resultado na pele. O grande diferencial das versões peel-off é que elas formam uma película mais resistente sobre o rosto, o que evita a perda de água e pode intensificar a absorção dos nutrientes. A desvantagem? O produto costuma grudar no cabelo e demora mais para ser retirado. Quando isso acontecer, não cutuque a pele com a unha. Comece pelas laterais e vá descolando aos poucos, como se fosse um plástico.



Resultados turbinados

As máscaras feitas em clínicas de estética ou spas contam com uma concentração maior de ativos do que as de uso doméstico. Experimente aplicá-las antes de uma festa para deixar o rosto iluminado e com aparência descansada


1. Biopur One Minute Unclogging Mask, Biotherm, R$ 125. Com argila branca e pedra-pomes, reduz os poros em um minuto. 2. Rare Earth, Kiehl’s, R$ 99. Remove as células mortas e alivia o aspecto de cansaço. 3. Máscara de Hidratação Intensiva, Natura Chronos, R$ 46. Hidrata e combate os radicais livres. 4. Orchidée Impériale Mask, Guerlain, R$ 1.327. Proporciona um efeito lifting imediato. 5. Clarifying Rice Mask, L’Occitane, R$ 86. Perfeita para peles mistas a oleosas. 6. Masque Purifiant Bio, Anna Pegova, R$ 78. Controla a oleosidade. 7. Tratamento de Barro, Sejaa, R$ 98. Rico em argilas naturais, remove as impurezas. 8. Máscara Facial Refrescante Pepino, Avon, R$ 9. Acalma a pele e reduz a oleosidade. 9. Gel Creme 2 em 1 Pure Zone, L’Oréal, R$ 22. Para peles com acne. 10. Clarité Mask, Dermage, R$ 56. Suaviza rugas e linhas finas. 11. Máscara Clareadora Facial Rosa Mosqueta, Korres, R$ 45. Uniformiza o tom da pele.







No The Spa at Renaissance, em São Paulo, vale experimentar o Especial Day Skin, que usa uma máscara tensora dourada, rica em vitamina C, silício orgânico e ácido hialurônico, capaz de revigorar, iluminar e firmar a pele. O preço médio por sessão é de R$ 145. The Spa at Renaissance: (11) 3069-2233

A Máscara de Flores é a melhor aposta do Centro de Estética Roseli Siqueira, em São Paulo. Perfeita para nutrir, hidratar e proteger as áreas do rosto, pescoço e colo, o ritual começa com a aplicação de uma polpa de cacau, que ajuda a desintoxicar e a acalmar a pele. Após uma massagem poderosa, aplica-se a máscara, que age por alguns minutos enquanto você relaxa. Cada sessão custa R$ 276. Centro de Estética Roseli Siqueira: (11) 3085-5688

Para deixar a pele aveludada e livre de rugas e flacidez, invista na Máscara de Argila Burgundy e Pó de Rubi, do Spa Hara, em São Paulo. Rica em óxido de ferro, cobre e hematita, o produto deixa o rosto firme, hidratado e radiante. Para arrematar, o final da sessão conta com uma massagem relaxante feita com pedras vulcânicas. Cada sessão dura uma hora e sai por R$ 197. Spa Hara: (11) 3067-5555

Aqui na Madres, trabalhamos com excelentes produtos importados e nacionais, sempre buscando as novidades e excelência em cosméticos, confiram algumas delas 

Máscara de Nácar e Orsirtine.

A Pérola é rica em aminoácidos, mucopolissacarídeos e substâncias reafirmantes que melhora a textura e a luminosidade do rosto, já a Proteína de Arroz possui ação anti-age e o Bambu é um revitalizante e reestruturante dos tecidos.


Máscara de Cobre e Caviar

Já é comprovado cientificamente que o Cobre é o oligoelemento de maior poder antioxidante. Tem uma ação fundamental nas reações enzimáticas do colágeno e elastina, proteína responsável pela firmeza e elasticidade da pele.

O caviar sinergiza esta ação, aumentando a síntese celular.





Danubian Gold – Ouro e mel

Tratamento facial revitalizante e tensor para peles cansadas e estressadas. Firma e energiza o tecido cutâneo, atenua rugas finas, uniformiza a cor e recupera o aspecto luminoso da pele.






Agendem seu horário !!!!!


(19) 3454-9232
(19) 8126-1132







Beijos mil ...
Dra. Josie Rumualdo.

terça-feira, 5 de julho de 2011

Torta de Desenho Animado - Pêssego



Olá meninas ...

Acordei hoje com uma vontade incrível de devorar uma travessa de doce !!!! Será que estou ansiosa ??? Está chegando o dia da minha cirurgia e acho que até sexta-feira como umas três assadeiras de torta ... afeeee !!!

Mas na verdade, eu não queria uma torta comum que se compra na padaria ... queria uma torta tipo daquelas que vemos nos desenhos infantis ... aquela fofa, cheirosa, alta e quentinha, sabe?? Do tipo americana, que infelizmente não encontramos aqui.

Bom, saí a procura de uma receita e no livro Professional Baking encontrei algumas e resolvi pela mais prática.

Vamos lá ...


TORTA DE PÊSSEGOS

(Deliberadamente adaptada do Professional Baking)
Tempo de preparo: 30min. + 4 horas de geladeira para a massa + 40 min. de fornoRendimento: 1 torta de 20cm
 


Ingredientes:
(massa, com quantidades corrigidas)
  • 150g de farinha de trigo
  • 50g de farinha de trigo integral
  • 130g de manteiga sem sal gelada cortada em cubos
  • 50g de água gelada
  • 4g de sal
  • 10g de açúcar
(recheio)
  • 500g de pêssegos em calda drenados
  • 200ml de sucos drenados da lata (se não tiver suficiente, complete com água)
  • 50ml de água gelada
  • 18g de amido de milho
  • 70g de açúcar baunilhado
  • 2g de sal
  • 1/4 colh. (chá) de essência de amêndoas amargas
  • 18g de manteiga sem sal
  • 1/2 xíc. de biscoitos amaretti
Preparo:
1.       Misture a água gelada com o sal e o açúcar. Coloque a farinha e a manteiga em uma tigela e esfregue com os dedos até formar uma farofa como farinha de milho grossa. Faça um buraco no centro do monte e jogue a água gelada, misturando com um garfo até começar a formar uma massa. Sove pouco, apenas o suficiente para formar uma bola. Envolva em filme plástico e leve à geladeira por 4 horas.
2.   Enquanto isso, faça o recheio. Coloque os sucos da lata numa panela e leve à fervura.
3.    Dissolva o amido na água gelada e misture-o à panela, até voltar a ferver. Junte o sal, o açúcar, a manteiga e a essência de amêndoas, e deixe em fervura branda, misturando, até que o açúcar esteja dissolvido.
4.    Despeje esse xarope grosso sobre os pêssegos, em uma tigela, e misture delicadamente. Deixe esfriar completamente.
5.    Divida a massa em duas partes (2/3 e 1/3 do tamanho) e abra a maior em um círculo, alguns centímetros maior do que a forma. Forre-a, deixando que as sobras caiam para fora.
6.    Espete com um garfo o fundo, para que ele não infle com o ar quente embaixo, e esmigalhe por cima os biscoitos. Despeje o recheio, nivelando os pêssegos, sem deixar que eles sujem as beiradas da massa, ou será mais difícil selar a torta.
7.    Abra a parte menor da massa em um círculo maior do que a forma, e cubra-a, com cuidado. Faça alguns furos na superfície, para que o vapor escape. Aperte a borda da forma com os dentes de um garfo, para selar as duas massas. Apare as sobras.
8.     Pincele a massa com ovo batido, leite, creme de leite ou manteiga derretida. Se quiser, polvilhe um pouco de açúcar por cima. Leve à prateleira mais baixa do forno pré-aquecido a 220ºC por 30-40 minutos. Sirva morna ou fria.

Beijos mil ...
Josie Rumualdo

segunda-feira, 4 de julho de 2011

Inverno = Pele ressecada





Olá meninas ...

É sabido que nós brasileiras temos a pele muitooo oleosa (pelo menos a maioria, né?!), mas quando chega o inverno, a pele do rosto começa dar aquela ressecadinha, aquela descamadinha e a sensação de repuxamento ... E quem já tem a pele seca, sofre ainda mais com os efeitos do vento e da baixa temperatura.

Então, neste post deixarei algumas dicas para quem tem a pele seca e para aquelas que no inverno também sofre desses incômodos.

Mas antes das dicas vamos tratar um pouco do que leva ao ressecamento da pele. Ironicamente a pele não fica seca por falta de hidratação. Existem estudos que compararam a quantidade de água presente na pele seca e na pele oleosa e concluíram que não existem diferenças significativas entre as duas. Assim, colocar mais água na pele parece não ser uma boa idéia, e por outro lado, colocar água demais (como ficar horas imersa na banheira) pode até piorar o quadro, já que isso afetaria a matriz extracelular (o conteúdo que fica entre as células que mantêm elas saudáveis e íntegras) da pele, prejudicando o seu funcionamento.

De fato é essa diminuição ou alteração na matriz extracelular que deixa a pele com a aparência ressecada, levando à perda de água. Assim, para prevenir o ressecamento da pele devemos focar nossos esforços em evitar que essa matriz extracelular sofra, bem como fortalecê-la.


A exposição constante a ambientes secos, como ar condicionados, aquecimento, ou regiões mais secas também pioram a aparência da pele. Se você tem a pele assim deve considerar a idéia de colocar um daqueles umidificadores no quarto, e verá que fará uma boa diferença na sua pele!

A exposição ao sol (sempre ela!) também é uma das maiores vilãs do ressecamento da pele. A exposição ao sol danifica a camada externa da pele e faz com que a camada nova já nasça doente. O Sol também destrói a matriz extracelular. Isso vale não só para a praia como para o dia a dia mesmo, então tenha você pele seca ou oleosa, não pode esquecer o filtro solar.


Promover a renovação celular também ajuda a manter a pele saudável e melhorar a sua aparência. A pele seca vai se acumulando em camadas dando aquela aparência enrugada e endurecida. Um produto esfoliante com pH neutro formulado com ácido glicólico, láctico ou mesmo salicílico ajuda a estimular a renovação da pele de forma saudável. Esses produtos costumam ser indicados para quem tem a pele oleosa, mas nada impede que sejam usados também por quem tem a pele seca, já que a esfoliação é bom para as duas. Para quem tem a pele oleosa ajudar a limpar os poros e evitar os cravos, quem tem a pele seca evita o acumulo de camadas e mais camadas de células mortas.

O envelhecimento também costuma levar ao ressecamento da pele, já que com a queda da produção de hormônios após a menopausa deixa a pele mais fina e com uma camada menor de gordura por baixo dela. Não há muito o que pode ser feito para contornar esse problema além da terapia de reposição hormonal (é nesse casos, os seus riscos e benefícios devem ser considerados cuidadosamente).



Vai aqui então um resumo do que pode ser feito para melhorar o aspecto da sua pele seca.


1. Use protetor solar diariamente, faça chuva ou faça sol.

2. Use e abuse de hidratantes que contenham agentes antioxidantes, antiinflamatórios e que retém a água na pele.

3. Se a sua pele for muito seca mesmo, use também produtos a base de óleo.

4. Aplique e reaplique o hidratante (em breve teremos um post completo com tudo sobre hidratantes, como escolher, ingredientes, dicas de marcas, etc, aguardem!) . Se a pele está seca, hidratante. Nunca é demais. Assim que você começar a sentir a sua pele repuxando pode colocar mais hidratante. As mãos são uma parte do corpo que costuma ressecar bastante (mesmo em quem tem pele oleosa), então não se esqueça de aplicar o hidratante nas mãos após cada lavagem (melhor mesmo é deixar ele dentro da sua bolsa, para não esquecer).

5. Evite sabão em barra, é melhor usar loções de limpeza, se o sabonete dá a sensação de repuxamento, não use. Também não esfolie demais a pele, esfregar demais pode tirar a camada de óleo protetora e ressecar a pele, prontanto esfoliação leve e só uma vez por semana.

6. Não fique muito tempo na água, em excesso ela destrói a matriz extracelular e resseca a pele. Portanto dê preferência para banhos curtos, mornos e com pouco sabonete.

7. Compre um umidificador de ambiente, eles não são muito caros, duram bastante e fazem uma diferença na sensação e aparência da pele. Nas Lojas Americanas tem vários modelos a partir de R$ 54,90.

8. Não coloque óleo na banheira. O óleo não vai ser absorvido pela pele assim e pior, ele pode reter os ingredientes de limpeza e provocar mais ressecamento.

9. Não se esqueça dos lábios. Essa região costuma ressecar mais porque não tem uma camada de gordura abaixo da pele. Use especialmente de noite, o que ajuda a acordar com os lábios hidratados em macios. Só fique esperta e fuja dos que contém menta, hortelã ou outros ingredientes irritantes, se você gosta desse gostinho, melhor chupar uma bala.

Se mesmo depois de tudo isso algumas regiões continuarem ressecadas (as mais tinhosas costumam ser os pés, mãos, cotovelos e joelhos), considere fazer um tratamento de choque: após passar o hidratante, passe o óleo e enrole a região com um filme plástico (aqueles de cozinha mesmo), e deixe na pele por cerca de uma hora, funciona super bem!






Beijos mil ...
Dra. Josie Rumualdo.









sábado, 2 de julho de 2011

Sábado ....

Mais um fim de semana ... espero descansar e curtir a família ... repor minhas energias, depois de uma semana horrível por conta de uma gripe e uma amigdalite do tamanho do mundo !!!!

Hoje deixo flores ... para alegrar, perfumar, ficar mais bonita ....

Um excelente fim de semana à todos !!!!









Beijos mil ...
Josie Rumualdo.